Twilight é ruim para sua vida amorosa?

Uma colunista ,que acabou cedendo à febre de Twilight, leu o livro para ver o porque de tanto fuzuê. Mas ela acaba refletindo sobre os “modelos masculinos” na saga e o que pode influenciar em um relacionamento. Vejam a matéria e nos diga a opinião de vocês!
Original: MSN
Alguns de vocês me disseram que eu não iria gostar de Twilight, mas eu comprei o livro de qualquer forma para ver o porque de tanta euforia. Bem, eu finalmente terminei de ler, e… eu apreciei o fator de romance, mas eu não pude evitar de pensar que estava dando às garotas a idéia errada sobre o amor e relacionamentos. Eu fiz uma análise feminista de Twilight e aqui está o que me incomodou:
1. Bella não tem Bella outros passatempos: Depois que ela se muda para Washington, Bella faz alguns novos amigos, mas ela não está interessada neles. A maior parte de sua vida é sobre Edward, Edward, Edward. Mas que relacionamento pode sobreviver isso? Pegue por exemplo Simone de Beauvoir, que escreve sobre isso no livro The Second Sex: “Dois amantes destinados inteiramente um para o outro já estão mortos: eles morrem de tédio, da lenta agonia de um amor que se alimenta de si mesmo.”
Interesses externos trazem vida à uma relação. Se você quer um relacionamento saudável, melhor você conseguir uma vida, sendo vampiro ou não. Por outro lado, Romeu e Julieta eram adolescentes obcecados um com o outro, mas eu nem sei o que pensar disso.
2. Os caras são totalmente não realísticos: Mulheres sempre estão escrevendo personagens masculinos de como gostaríamos que os garotos fossem – não como realmente são. Estamos fazendo expectativas. Na cena da praia em Twilight, Mike Newton traz para Bella sanduíches e uma porção de refrigerantes para que ela escolha. Dá licença, mas um garoto adolescente na praia ou irá ficar zuando por aí com outros garotos, jogando marshmallows uns nos outros, ou irá passar horas na água.3. Bella teve lavagem cerebral: Bella nos diz repetidamente que Edward, o lindo vampiro, é muito perfeito, sem defeitos, e tem o rosto de um anjo. Eu quase tive meu cérebro lavado. Mas é tipo, ele poderia matá-la a qualquer segundo, e ainda assim ela continua a confiar e desejar ele.Claro que ele não a mata, então acho que devemos ser gratos e pensar altamente bem dele. Quanto controle!
Mas ele está sempre está dando sermão à ela sobre sua segurança, como se ela fosse uma boneca de porcelana. Ele diz pra Bella que ele não pode deixá-la por um minuto. Até lavando a roupa, ele fala que ela pode cair na secadora. Sério? Não tem nada de errado em ser desastrada, mas fazer piadas como se ela não pode possivelmente fazer nada… Bem, isso não faz maravilhas pela auto-estima de uma garota. Isso a transforma em uma pessoa dependente. E como minha mãe diz, ninguém ama uma mulher indefesa. Obviamente, para a história, é a coisa do cavalheiro na reluzente armadura, eu entendo, mas não tenho que gostar.4.Bella é uma diva doméstica: Ela cozinha para seu pai solteiro toda noite. (Okay, acho que cozinhar é tecnicamente um passatempo. Mas ela não faz de alegria realmente. É mais por um senso de obrigação.) Bella lava a roupa também. Mas eu acho que a vemos fazendo lição de casa apenas uma vez. Viu, ela está tão ocupada alimentando um homem para alimentar sua mente. Não tem nada de errado em cozinhar para um homem, mas fazendo em combinação com constantemente sendo salva por um cara e idolatrando tal cara… é demais. Ao menos Belle na história da Bela e a Fera da Disney ama ler, né?
Mas, eu não estou dizendo que não gostei dos livros em algumas horas, e que eu não teria me derretido no capítulo 13. Eu apenas me preocupo que algumas pessoas irão ler com um olhar crítico (eu sei, é apenas uma história). Algumas garotas podem esperar sua vida amorosa para ser exatamente igual como a de Bella. Agora isso que eu chamo de assustador.

Fonte: Foforks

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fanfics fofissimas do Percy e da Annabeth!